Causas e Efeitos


08/07/2014


Escrito por Polonius às 14h27
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

17/09/2013


Simplicidade

Cada semana, uma novidade. A última foi que pizza previne câncer do esôfago. Acho a maior graça. Tomate previne isso, cebola previne aquilo, chocolate faz bem, chocolate faz mal, um cálice diário de vinho não tem problema, qualquer gole de álcool é nocivo, tome água em abundância, mas, peraí, não exagere. . . Diante desta profusão de descobertas, acho mais seguro não mudar de hábitos. Sei direitinho o que faz bem e o que faz mal pra minha saúde. Prazer faz muito bem. Dormir me deixa 0 km. Ler um bom livro faz-me sentir novo em folha. Viajar me deixa tenso antes de embarcar, mas, depois, rejuvenesço uns cinco anos! Viagens aéreas não me incham as pernas; incham-me o cérebro, volto cheio de idéias! Brigar me provoca arritmia cardíaca. Ver pessoas tendo acesso de estupidez, me embrulha o estômago! Testemunha gente jogando lata de cerveja pela janela do carro, me faz perder toda a fé no ser humano. E telejornais. . . Os médicos deviam proibir. . . Como doem! Caminhar faz bem, namorar faz bem, dançar faz bem, ficar em silêncio quando uma discussão está pegando fogo faz muito bem: você exercita o autocontrole e ainda acorda no outro dia sem se sentir arrependido de nada. Acordar de manhã, arrependido do que disse ou do que fez ontem à noite, isso sim, é prejudicial à saúde. E passar o resto do dia sem coragem para pedir desculpas, pior ainda. Não pedir perdão pelas nossas mancadas, dá câncer; guardar mágoas, ser pessimista, preconceituoso ou falso moralista, não há tomate ou muzzarela que previna! Ir ao cinema, conseguir um lugar central nas fileiras do fundo, não ter ninguém atrapalhando sua visão, nenhum celular tocando e o filme ser espetacular, uau! Cinema é melhor para a saúde do que pipoca. Conversar é melhor do que piada. Exercício é melhor do que cirurgia. Humor é melhor do que rancor. Amigos são melhores do que gente influente. Economia é melhor do que dívida. Pergunta é melhor do que dúvida. Sonhar é o melhor de tudo e muito melhor do que nada.

Escrito por Polonius às 11h19
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

12/07/2013


Situações difíceis

Problemas? Dificuldades? Conflitos interiores? Dívidas?... Acredite, tudo isso tem solução certa. Não existe mal ou bem que seja eterno, que não apresente uma solução devida no tempo preciso. Levante, pois, a cabeça, encha o peito de ar, respire confiança e diga a si próprio: - Eu confio, tenho paciência e aguardo as mudanças do tempo... Abro a minha mente para o Entendimento sem Dor e o meu coração para a aceitação incondicional dos fatos. Não maldigo a vida ou quem quer que seja por atravessar dificuldades; confio ainda na minha capacidade e na minha força de trabalho... Por isso mesmo é que sigo lutando, removendo as barreiras naturais que surgem no meio do caminho, sem perder a alegria e a disposição que me levam à solução vindoura! Não te suponhas o único no mundo a sofrer, a passar privações... Na verdade, é justamente o contrário: todos um dia na vida já passaram, ou passarão, por situações iguais ou piores pelas quais passamos. Mas, tais obstáculos só nos fazem crescer, ganhar experiência, amadurecer... Fortalecem o nosso espírito para melhor enfrentar situações emergenciais em outros momentos da vida. Medite e olhe o quadro existencial à sua volta... Verás também que milhares de pessoas, enfrentando graves problemas, quais os seus, revestiram-se de forças e conseguiram superá-los. Agora é hora de reequilibrar-se, de acreditar em si, ter paciência e lutar... Ainda no silêncio de tua alma, busque a inspiração do Alto, na certeza de que a solução virá, sim – porque ela existe -, e a vitória não tarda. A qualquer momento as portas estarão se abrindo novamente a você! Tenha determinação. Supere primeiro o mal que carrega dentro de si (negatividade, ilusões e negligências), reafirmando a si mesmo, quantas vezes for necessário:  -Eu quero, eu posso, eu vou conseguir! Porque toda dificuldade é passageira e cada dia é um novo dia, onde minhas esperanças se renovam e minha crença no bem se fortalece!

Escrito por Polonius às 22h34
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

09/07/2013


Frustração

" A expectativa é uma coisa boa, o problema é quando ela não é realista. O desejo é bom porque sem ele não há progresso, mas quando é desprovido de realismo se transforma em ganância. Nas coisas materiais o melhor é ter contentamento, mas nas coisas espirituais vale mais o descontentamento para poderr abrir espaço para um crescimento ilimitado. O ceticismo é bom, leva às perguntas e às investigações, que levam a uma conclusão. O problema é o ceticismo extremo, que pode levar à frustração. Pessoas voltadas apenas para seus sofrimentos desanimam com muita facilidade. Ao contrário, se você se volta para o sofrimento do outro e procura auxiliar, isso cria uma base para a estabilidade mental." 

Escrito por Polonius às 09h52
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

30/06/2013


Para superar os obstáculos

“É somente através da ação que a devoção pode ser aprofundada. Ação purifica a mente e a torna apta para o conhecimento espiritual. Quando você está apenas ouvindo, recebendo em silêncio sem refletir ou responder, você está obtuso. Quando você liga o pensamento a sua mente, tentando assimilá-lo, então você está ativo, e quando você está mergulhado na doçura da experiência, você desfruta pura exultação. Tal assimilação completa é fruto da devoção. Para superar os obstáculos no caminho espiritual, você deve ter Esforço Próprio e Graça Divina.”

Escrito por Polonius às 01h36
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

16/05/2013


A gente é quem faz a carestia (Bruno de Castro)

A curiosidade mórbida que se tem pela sexualidade alheia me assusta. Desde sempre. E acho que vou terminar meus dias sem considerar normal a necessidade popular de saber com quem o outro dorme, onde dorme, de que forma dorme, há quanto tempo dorme e por qual motivo dorme. É doente? É sem-vergonha? Maria dorme com João porque Maria ama João. Aline dorme com Ana porque Aline ama Ana. Renan dorme com Marco porque Renan ama Marcos. Ou, simplesmente, porque sentiram-se atraídos um pelo outro para encontros sexuais. Simples assim. Sem dogmas de qualquer espécie. Se há o gostar e a vontade de permanecer junto (inclusive nos direitos civis), por quê quem gosta de outra pessoa do mesmo sexo não pode casar? Valer-se de argumento religioso é algo - ao meu ver - subjetivo, visto a inexistência de consenso entre as crenças no tocante ao casamento gay. Vai contra o conceito de família? Mas qual o conceito único e irrefutável de família nos dias de hoje? Há controvérsias. Comemoro a decisão do CNJ por entender que o amor de Aline-Ana e Renan-Marco não é menos valioso do que o de João-Maria. Porque não é o gênero que constrói o sentimento. O amor nasce de si. Assim como morre em si. E não é possível que, em plena era de globalização, ainda exista quem sinta-se no direito de ter uma vida a dois privando outras pessoas do mesmo ideal. Contudo, lamento a decisão do CNJ ter se dado por uma regra que obriga os cartórios a realizar casamentos. Esta é uma matéria que já devia ter sido votada pelo Congresso há anos. Mas a Casa política mais importante do País prefere a inércia. Tem receio da repercussão. Para boa parte dos políticos, assegurar direitos à população LGBTT significa perder voto do eleitorado conservador que classifica essas medidas como “proteção aos gays”. A hipócrita tese da “heterofobia”, embasada no esquecimento de toda a exclusão e violência sofrida por homossexuais na história. Espero dias com brasileiros menos preocupados com a orientação sexual alheia e mais atentos à atuação dos deputados federais e senadores e ao caos em que se encontra o falido sistema de segurança pública. Ou somente com o simples ato de acordar e trabalhar para colocar dinheiro na própria casa para pagar as próprias contas. Precisamos aprender a enxergar a alegria do outro não como uma derrota pessoal, mas como sinal de um mundo mais palatável para se viver. Porque a vida é um barato. A gente é quem faz a carestia criando empecilho para prejudicar a felicidade alheia. Aline, Ana, Renan e Marco, ao cartório!

Escrito por Polonius às 10h47
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

20/02/2013


Sinal de verdadeira entrega

"Raciocinando sobre você, chegará a uma conclusão de que "você" é apenas uma sombra do Absoluto. É evidente que é somente ao término de um longo e sistemático processo de esforços espirituais que você alcançará e se manterá no estado de tal conclusão; até então, é provável que você se identifique com esse corpo e esqueça que o corpo que lança uma sombra é ele próprio uma sombra. O primeiro passo para esse esforço espiritual é a sua decisão comportamental de Retidão em cada ato individual e em sociedade. A Retidão que é seguida no mundo objetivo, automaticamente resultará também em Retidão no campo espiritual; somente você deve cumprí-la através de todas as dificuldades. Firmeza é necessária no caminho da Retidão. Somente isso já é um sinal de verdadeira entrega."

Escrito por Polonius às 09h31
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

23/11/2012


Divindade

“A causa fundamental para a ocorrência de sentimentos como ódio, ciúme e raiva é a consciência do corpo. Enquanto a consciência corporal permanecer o corpo estará sujeito a esses tipos de sentimentos. Por exemplo, todas as experiências derivadas por meio dos sentidos e da mente ocorrem apenas durante o estado de vigília. Quando você vai dormir, nenhuma dessas experiências está presente. As experiências no estado de sonho são reais enquanto o sonho dura. As experiências em estado de vigília são reais nesse estado. A Realidade, ou Verdade, é o "Eu" que permanece em todos os estados. Ao longo dos séculos, através da identificação do "Eu" com o corpo, sua verdadeira natureza tem sido inteiramente subestimada. A verdade é que esse "Eu" é sutil e incomparável. Ele está além da mudança. Essa é a característica da Divindade. Você deve estar ciente disso e esforçar-se para reconhecer essa Divindade inerente.”

Escrito por Polonius às 09h29
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

24/09/2012


Antes da hora

 “De uns meses para cá, um ítem de importância transcendental está ganhando cada vez mais espaço na agenda das grandes questões nacionais. Trata-se do uso de maquiagem de adultos não apenas por jovens e adolescentes, mas também por crianças, inclusive de pouca idade.

O mundo mudou dos pés à cabeça, e os costumes, idem – dirão os sábios , os doutores e os consultores de marketing. Na sua incessante busca de aprimoramento da aparência corporal, algo que na verdade não tem nada de errado, o que o ser humano considerava indispensável, há poucos anos, agora é prática banal. Principalmente no universo feminino, onde a precocidade nesse quesito aumenta dia a dia, às vezes alheia ao ridículo, ao bom senso e à própria natureza das coisas. Menininhas mal saídas do colo materno vestem-se, pintam-se e se enfeitam como mulheres criadas, com claro viés de apelo sensual, sem que tenham o devido amadurecimento psicológico para tanto. Em nome de uma pretensa modernidade e de evolução social, o que se vê aí, de fato, é pura aberração.

Devagar com o andor, portanto, é o que se recomenda. Não se trata de conservadorismo retrógrado, como muitos hão de pensar, e sim, apenas, de se dar os passos no tempo certo, sem queimar etapas. Igualmente nessa área as transformações são inevitáveis, porém, quando se cai no exagero, como em tudo nesta vida, o saldo final pode ser indesejado.”

Escrito por Polonius às 23h01
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

23/08/2012


A vida sexual e a Coca-Cola

Dois velhos amigos encontram-se depois de muitos anos.
Ficam conversando sobre as suas vidas até que um pergunta:

- E como vai a tua vida sexual ???....
- Igual à Coca-Cola .......
- Ui, que beleza !!!.... Cheia de gás, heim ?!!!....
- Nada disso !!!.... Antes era 'NORMAL', depois ficou 'LIGHT' e agora é 'ZERO'

Escrito por Polonius às 11h05
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

14/08/2012


Você é capaz de se doar?

"Alguma vez você teve a impressão de que alguém próximo necessitava de ajuda?

E o que você fez para ajudar a este alguém?

É interessante que o difícil não é ter a sensação sobre a necessidade alheia, mas o difícil é fazer alguma coisa para ajudar! A “distância” que temos hoje das pessoas não é pela ausência de emoções e sentimentos, mas o grande desafio da aproximação é o de “decidir estar perto”.

Demoramos muito para entender que amor não tem relação com sentimento, mas amor é o próprio ato de agir em prol de, é a decisão, enfim, é o querer! Amar é querer, e quem quer de verdade faz acontecer! Quem ama faz, se entrega sem se anular, é como se procurasse sentir o que outro sente para poder ser útil e participar, enfim, deseja verdadeiramente estar junto! Você já amou alguma vez?

Se você diz amar alguém então é por que você decide, age e quer o bem desse alguém.

Levante a cabeça, olhe atentamente, não vê ou percebe alguém que necessita ser ajudado? Consegue?

Decidir fazer o bem a alguém, independentemente do quanto isso pode custar, revela o verdadeiro amor! Mas a ação que espera troca não é amor,  é apenas objeto de negociação! "

Escrito por Polonius às 10h29
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

25/07/2012


Forjando a Armadura (Rudolf Steiner)

Nego submeter-me ao medo,
Que tira a alegria de minha liberdade,
Que não me deixa arriscar nada,
Que me torna pequeno e mesquinho,
Que me amarra,
Que não me deixa ser direto e franco,
Que me persegue,
Que ocupa negativamente a minha imaginação,
Que sempre pinta visões sombrias.
No entanto, não quero levantar barricadas por medo do medo.
Eu quero viver, não quero encerrar-me.
Não quero ser amigável por medo de ser sincero.
Quero pisar firme porque estou seguro.
E não porque encobri meu medo.
E quando me calo, quero fazê-lo por amor.
E não por temer as consequências de minhas palavras.
Não quero acreditar em algo só por medo de acreditar.
Não quero filosofar por medo de que algo possa atingir-me de perto.
Não quero dobrar-me só porque tenho medo de não ser amável.
Não quero impor algo aos outros, pelo medo de que possam impor algo a mim.
Por medo de errar não quero tornar-me inativo.
Não quero fugir de volta para o velho, o inaceitável, por medo de não me sentir seguro no novo.
Não quero fazer-me de importante porque tenho medo de que senão poderia ser ignorado.
Por convicção e amor quero fazer o que faço e deixar de fazer o que deixo de fazer.
Do medo quero arrancar o domínio e dá-lo ao amor.
E quero crer no reino que existe em mim

Escrito por Polonius às 10h22
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

23/06/2012


Adquira felicidade

“Aprenda a adquirir felicidade e paz em sua vida, estudando as escrituras ou através dos sábios que as conquistaram. Atenha-se ao caminho assiduamente, mesmo se recebeu fortes críticas ou insensível condenação. Nunca deixe o riso cínico ou comentários incomodá-lo; eles nunca podem prejudicar um aspirante espiritual. Pode uma tempestade abalar a cordilheira do Himalaia? Não deixe que sua fé no objetivo ou no caminho se abale diante de problemas ou julgamento, armadilhas ou sofrimentos, angústia ou desespero. Esses são apenas nuvens passageiras lançando sombras temporárias, escondendo por pouco tempo a glória do sol ou da lua. Não se distraia com dúvida ou desânimo. Construa a mansão de sua vida sobre quatro pilares firmes - virtude, riqueza, desejo e libertação, como previsto pelos antigos sábios, cada pilar ligado forte e seguro a todos os outros. Nunca permita que esses pilares se inclinem ou caiam como alguns indivíduos, comunidades ou nações estão fazendo atualmente.”

Escrito por Polonius às 18h05
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

04/05/2012


Portas da libertação

“Enxergar sua própria realidade é a abertura das portas da libertação; para isso, o espelho do coração deve ser preparado revestindo sua parte de trás com Verdade e Retidão. Caso contrário, a imagem não será exibida. Em cada ato seu, se você observar a verdade e a justiça, então você pode ver sua própria realidade revelada. Você pode dizer que o fardo dos atos do passado e suas consequências inevitáveis têm de ser suportados; mas a Graça do Senhor pode incinerar esse fardo num piscar de olhos; a revelação da realidade irá, num instante, poupá-lo desse fardo. Se você se vê em tudo e tudo em você, então você conhece a realidade. Portanto, você deve desenvolver a mesma quantidade e qualidade de Amor que tem por Mim, por todos os outros.”

Escrito por Polonius às 21h14
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

17/04/2012


Para ler, todos os dias.

Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes, mas não esqueço de que minha vida é a maior empresa do mundo.
E que posso evitar que ela vá a falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos..
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um 'não'.
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo...


(Fernando Pessoa - Lisboa, 13 de junho de 1888 - Lisboa, 30 de novembro de 1935)

Escrito por Polonius às 00h13
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Histórico